Ir para o conteúdo principal
porno mat i sin xxx odia in adult rape videos
agri escort elazig escort
escort alanya
ankara escort
bonus veren siteler
makale ozgunluk testi
huluhub.com
Luxury replica watches
www.copeland.club
old sex women boy to boy xxx nude

Especiais

jan 27

Written by: admespeciais
27/01/2020 14:44  RssIcon

Documento sem título
Volta às Aulas - Mochila com conhecimento

Quer saber como acolher ou ser acolhido? Entenda um pouco mais sobre o Acolhimento antes do início do ano letivo.

As aulas começam em 3 de fevereiro e, diferentemente dos outros anos, o Acolhimento, que já acontecia nas escolas do Programa Ensino Integral, passará a ser uma prática adotada por todas as unidades escolares da rede estadual paulista.

Se no dicionário, “acolher” quer dizer refugiar, apoiar e amparar, no âmbito escolar a palavra tem um significado ainda mais amplo. O Acolhimento é uma ação pedagógica, com o objetivo de dar as boas-vindas aos educandos e às equipes docente e gestora, integrando os estudantes entre si, com a escola, funcionários, e fortalecendo a conexão entre eles. O ato de acolher tem o propósito de despertar nos estudantes o sentimento de pertencimento, e, principalmente, permitir seu desenvolvimento integral.

Outra proposta da ação é fazer com que os alunos reflitam sobre o seu Projeto de Vida, um dos três novos componentes da matriz curricular, que também traz Tecnologia e Inovação e Eletivas.

Volta Às aulas e os sonhos dos alunos

O primeiro dia de aula será voltado para o Acolhimento, com dinâmicas em grupo, conduzidas pelos próprios alunos, para o registro dos sonhos. A ideia é de que os educandos sejam estimulados a pensarem sobre os passos que precisarão seguir para concretizar o que desejam, assumindo uma postura protagonista na sua trajetória escolar. Uma atenção especial também é feita com alunos de EJA – Educação de Jovens e Adultos, e estudantes migrantes.

Os registros das atividades irão compor o portfólio de cada estudante. E essas informações serão sistematizadas pela gestão escolar e compartilhadas com os outros docentes, como forma de subsidiar, por exemplo, a elaboração das disciplinas Eletivas, que devem estar relacionadas aos Projetos de Vida dos alunos.

A grande missão é fazer com que a escola dialogue com os sonhos dos estudantes, e que os jovens percebam a relação que as atividades escolares têm com seus sonhos, enxergando o sentido da escola em sua vida. E nessa trajetória, o papel do educador é fundamental no incentivo e no apoio durante todo o processo.

Acolhidos e Acolhedores

No final do ano letivo de 2019, alguns estudantes de cada unidade escolar foram selecionados e formados para se tornarem jovens acolhedores, tarefa que irão desempenhar no começo deste ano.

Os professores também serão acolhidos, em atividades separadas, mas também realizadas pelos jovens acolhedores, com o objetivo de integração entre os pares e melhoria do clima escolar.

Lucas Henrique Paiva da Silva, aluno da EE Reverendo Augusto Paes D’Ávila, da Diretoria de Ensino São Vicente, já esteve nas duas posições, como acolhido e acolhedor, e compartilha essas experiências: “Quando eu entrei na escola e passei por esse processo, fiquei realmente apaixonado. Não só pela ação, mas também pela escola. Realmente, o Acolhimento me proveu muita coisa. Aprendi a me conhecer um pouco melhor. E de fato, me senti acolhido, e entrei muito mais tranquilo no primeiro dia de aula”. E como jovem acolhedor, relata: “A gente gosta de falar no Acolhimento que o Projeto de Vida não precisa ser necessariamente algo profissional, pode ser qualquer tipo de sonho. E também gosto de dizer que sonhar é muito bom, mas realizá-lo é melhor ainda”.

Alunos confraternizando

Tags:
Categories:
Location: Blogs Parent Separator Especiais

Busca em Especiais: