Ir para o conteúdo principal

Especiais

#1

dez 6

Written by: admespeciais
06/12/2017 08:27 

ESPECIAL DE FIM DE ANO | SEG.11.12.2017

O Curso Específico de Formação aos Ingressantes nas Classes Docentes do Quadro do Magistério – PEB I é parte do estágio probatório e tem como principal objetivo oferecer informações essenciais sobre a estrutura da SEE-SP e o Currículo Oficial do Estado de São Paulo aos professores ingressantes. Também apresenta conteúdos importantes para potencializar a ação docente, visando ao aprimoramento das competências profissionais.

“Participar do Curso Específico de Formação aos Ingressantes foi um privilégio, pois o mesmo é uma ferramenta fundamental para o aperfeiçoamento do professor, tornando-o apto e mais eficiente quanto às suas práticas pedagógicas no dia a dia.”

(Elayne Santos de Oliveira, PEB I)

  • O que te motivou a fazer o curso?Primeiramente foi a obrigatoriedade que se encontrava no edital do concurso, mas posteriormente me apaixonei pelo conteúdo do mesmo, e percebi a riqueza contida em cada etapa e percurso, e o quanto me fazia crescer como profissional.
  • Quais conteúdos você destacaria?Destaco como principal conteúdo a matéria sobre o EMAI, na qual descobri que o mesmo possui sequência de cinco aulas, e que se trabalharmos todos os dias esse precioso livro, conseguiremos concluí-lo com êxito e em tempo hábil. Também aprendi muito com relação às avaliações contínuas e recuperações paralelas, e também a forma de trabalhar o Projeto Ler e Escrever, envolvendo todos os alunos, independentemente da situação silábica que se encontram, em que um faz o papel de escriba e o outro de escrivão!
  • Como o curso contribuiu para a sua prática profissional?O curso contribuiu de forma significativa para a minha prática profissional, pois muitas vezes repensei a minha forma de trabalhar e mudei muitos conceitos que tinha anteriormente, me tornando melhor como professora, sendo mais dinâmica e mais sensível às necessidades dos alunos.
  • Poderia dar um exemplo da aplicação do que aprendeu?Um exemplo que posso dar de uma aplicação que eu aprendi foi com relação ao ditado diagnóstico, pois não sabia que podia intervir para o aluno avançar em sua hipótese silábica. Fiz isso com alguns alunos e tive a experiência maravilhosa de vê-los refletir sobre a sua escrita, e a partir daí avançar! Também nunca tinha experimentado trabalhar a escrita em duplas, em que um é o escriba e o outro o escrivão. Apliquei isso em minha classe, o que contribuiu também para o progresso dos educandos... Poderia citar muitos outros exemplos, mas infelizmente não lembro de todos com detalhes.
Elayne Santos de Oliveira atua na rede estadual paulista desde 2011. É PEB I na EE Profa. Marília Santos Carvalho de Polillo, DE Marília. Realizou o Curso Específico de Formação aos Ingressantes nas Classes Docentes do Quadro do Magistério – PEB I – Etapa 2 – Ensino em Foco – 1ª Edição – 2017 entre os meses de março e novembro.

Tags:

Busca em Especiais: