Ir para o conteúdo principal

Radar Cultural - Capital e Grande São Paulo

jun 20

Written by: admradar
20/06/2017 17:42 

Fina CamadaCaliforniano, filho de uma descendente de alemã e um imigrante sírio, foi entregue à adoção assim que nasceu. Sem ensino superior, construiu uma das empresas mais valiosas do mundo. Empresa da qual chegou a ser demitido. Com uma história de vida tão interessante quanto sua carreira profissional, o criador da Apple virou tema de exposição no Museu da Imagem e do Som (MIS). Intitulada “Steve Jobs, o visionário”, a mostra apresenta detalhes e curiosidades que revelam um pouco sobre a personalidade do revolucionário da tecnologia.

FICA A DICA

Antes de entrar na exposição, o visitante pode fazer o download gratuito do aplicativo meCult, para ter acesso a conteúdos extras da mostra, e também audioguia e mapa das atrações.

Estruturada em cinco segmentos – Espiritualidade, Inovação, Competição, Fracasso, Negócios e Sonho –, a exposição traz informações ricas sobre o universo de Jobs. Entre fotos, vídeos, reportagens e produtos históricos é possível compreender a forma como o empresário pensava e criava.

Entre as curiosidades está uma videoinstalação que ilustra a escolha pelo nome Apple, e também algumas criações como o Lisa, o primeiro computador pessoal a ter um mouse – apesar de não ser criação de Jobs, o equipamento foi popularizado quando foi apresentado como item do computador Macintosh.

Se você é fã de tecnologia ou de boas histórias, vale a pena a visita!

Onde: MIS
Avenida Europa, 158 - Jardim Europa - São Paulo - SP
Quando: até 20/08
Contato: (11) 2117-4777
Horário: terça a sexta-feira, das 11h às 20h; sábados, das 10h às 21h; e domingos e feriados, das 10h às 19h.
(gratuito às terças-feiras)


SAIBA MAIS

Quem gosta de animações e dos filmes da Pixar, pode não imaginar que por trás das criações está Steve Jobs. Pois é! Em 1986, Jobs comprou a empresa com um investimento de 10 milhões de dólares. Na época, foi criticado por muitas pessoas, por não ser uma empresa sólida e reconhecida. Depois de anos perdendo dinheiro, em 1995, a Pixar lançou seu primeiro grande sucesso “Toy Story”. Logo no primeiro final de semana de sua exibição, o filme lucrou 30 milhões de dólares. O lucro total no mundo foi de 362 milhões de dólares.

Tags:

Busca no Radar Cultural - Capital: