Ir para o conteúdo principal
out 29

Written by: adm
29/10/2018 09:37 

SEG, 29.10.2018

Contribuir para a melhoria da aprendizagem dos alunos que estudam nas escolas das prefeituras e atender à meta de colaboração entre União, Estados e Municípios. Com estes objetivos, a Escola de Formação de Professores passará a contribuir também para a formação continuada e aprimoramento dos servidores das redes municipais de ensino.

Num primeiro momento, como forma de aproximar a EFAP dos municípios paulistas, e tentar entender suas especificidades, serão oferecidas as vagas remanescentes dos cursos destinados aos profissionais da rede estadual, de forma a aproveitar e racionalizar os recursos disponíveis.

A novidade já está em vigência, e durante o segundo semestre, cinco ações formativas contarão com a participação dos educadores municipais: Introdução à Mediação Escolar e Comunitária; Conselheiros de Escola; Introdução à Gestão Democrática e Participativa: Diálogos e Inclusão Educacional; Projeto EMAI – Educação Matemática nos Anos Iniciais – Curso 1; e Avaliação Educacional.

Para a coordenadora da EFAP, Cristina Mabelini, ofertar os cursos aos municípios vai muito além de atender às legislações. “Da pré-escola até a saída do aluno no Ensino Médio, ele tem um percurso e isso precisa ser planejado”. Segundo ela, a formação dos profissionais que atuam com esses estudantes precisa ser organizada e não dá para pensar separado em estado/município, tendo em vista que o aluno é o mesmo. “Então, abrir as portas da EFAP e conseguir fazer essas parcerias é um ganho muito grande para todos os profissionais, para os estudantes e para o nosso Estado.”

Para mais informações, acesse aqui.

 

Tags:

Busca em Notícias: